Bahia

Bahia registrou 138 denúncias desde 2019 sobre trabalho escravo

16% foram fiscalizadas

19/08/2022 09h01
Bahia registrou 138 denúncias desde 2019 sobre trabalho escravo
Foto: Divulgação/MPT

A descoberta do caso em que uma mulher grávida foi resgatada em condições de trabalho análogo a escravidão, na cidade de Santa Terezinha, no Recôncavo baiano ocorreu a partir de denúncia encaminhada pela Promotoria de Justiça. Apesar disso, desde 2019, a Bahia recebeu 138 denúncias sobre possíveis casos como esse, porém apenas 16% delas foram fiscalizadas.

Os dados foram obtidos pela Fiquem Sabendo, agência de dados especializada no acesso a informações públicas, com a Subsecretaria de Inspeção do Trabalho (SIT), vinculada à Secretaria de Trabalho (STRAB) e subordinada ao Ministério do Trabalho e Previdência (MTP).

Das 138 denúncias desde 2019 sobre trabalho análogo a escravidão, 23 delas foram fiscalizadas pelos órgãos competentes. Em toda a Bahia, denúncias deste tipo foram registradas em 67 cidades do estado.

Como exemplo, no Brasil, em julho de 2022, foram 170 denúncias registradas sobre a temática, nenhuma delas foi fiscalizada. No mês anterior, em junho de 2022, foram 147 denúncias no Brasil com 2 fiscalizações.

*Bahia Notícias

Comentários

Leia também

Bahia
Urnas deixam centro do TRE-BA e são levadas para zonas eleitorais

Urnas deixam centro do TRE-BA e são levadas para zonas eleitorais

Pouco mais de cinco mil equipamentos foram encaminhados às zonas com a participação...
Bahia
Municípios baianos proíbem a venda de bebidas alcoólicas durante este domingo

Municípios baianos proíbem a venda de bebidas alcoólicas durante este domingo

A decisão foi tomada com o objetivo de diminuir o número de brigas relacionadas a questões...
Bahia
Conceição da Feira: Praça lotada na primeira noite da Consciência Cristã

Conceição da Feira: Praça lotada na primeira noite da Consciência Cristã

Moradores de Conceição da Feira e demais localidades marcaram presença na festividade...