Polícia

Bahia contrata mesma tecnologia em segurança utilizada em Nova Iorque

Vice-presidente da Hexagon, empresa que presta serviço ao estado de Nova Iorque, no EUA, e também para a SSP-BA, visitou o Centro de Operações e Inteligência, na tarde desta quinta-feira (19)

20/05/2022 08h13
Bahia contrata mesma tecnologia em segurança utilizada em Nova Iorque
Foto: Divulgação SSP

CEOs da empresa Hexagon visitaram o Centro de Operações e Inteligência na tarde desta quinta-feira (19). Eles foram recepcionados pelo secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino, entre outros membros da SSP. 

Integrante da comitiva, o americano Bill Campbell, vice-presidente sênior da Hexagon, explicou o motivo da visita. “Eu realmente precisava conhecer o estado que está contratando um dos serviços mais atuais do mundo, o mesmo que é utilizado em Nova Iorque”, afirmou Campbell, durante o encontro. Segundo ele, “a Bahia se tornou uma vitrine no Brasil em relação a tecnologia aplicada na Segurança Pública”. 

Os representantes da empresa americana também elogiaram a integração da atuação das polícias, bem como o uso da tecnologia de forma sistêmica e conjunta, no mesmo local. A Bahia possui o maior Centro de Operações e Inteligência da América Latina, de onde são acompanhadas as imagens das câmeras espalhadas pelo estado, além do acompanhamento da localização das viaturas, através do georeferenciamento.

A Hexagon é a empresa responsável por disponibilizar o Sistema Integrador de Missão Crítica do Projeto Vídeo Polícia Expansão. Na prática, é a detentora do software que vai promover a integração de todos os sistemas da área de segurança pública, que permitirá a produção de relatórios e dashboards, pela comunicação banda larga, acesso remoto de informações necessárias aos policiais que estão nas ruas, além da atualização do sistema  que gerencia o despacho de viaturas através das demandas do atendimento via 190. 

O secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino, lembrou que o Projeto Vídeo-Polícia representa, atualmente, o maior investimento do Governo do Estado na Segurança Pública. “São R$ 665 milhões distribuídos na expansão do Sistema de Reconhecimento Facial, mas que também traz outros benefícios, como a comunicação mais rápida e a atualização no sistema utilizado no gerenciamento de recepção e despacho de chamadas através do 190”, detalhou.

Comentários

Leia também

Polícia
65ªCIPM prende suspeito por tráfico de drogas durante a Operação Alcatéia

65ªCIPM prende suspeito por tráfico de drogas durante a Operação Alcatéia

Diante dos fatos, um homem e todo o material apreendido foram apresentados à Central de...
Polícia
Polícia Civil deflagra operação contra grupo investigado por tráfico e homicídios

Polícia Civil deflagra operação contra grupo investigado por tráfico e homicídios

Dez suspeitos já foram presos, drogas apreendidas e um criminoso foi socorrido para uma...
Polícia
Guarnição da 65ª CIPM recupera veículo roubado em Feira de Santana

Guarnição da 65ª CIPM recupera veículo roubado em Feira de Santana

Sendo então apresentado à Delegacia de Furtos e Roubos, para as medidas legais.