Política

Aprovação do governo Lula oscila para baixo, aponta pesquisa

A pesquisa é do Instituto MDA

03/10/2023 16h28
Aprovação do governo Lula oscila para baixo, aponta pesquisa

A aprovação do governo do presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva registrou uma oscilação negativa. Mesmo com o indicativo, quase metade dos brasileiros diz que o governo está fazendo um trabalho melhor do que o de seu antecessor Jair Bolsonaro, segundo pesquisa CNT/MDA divulgada nesta terça-feira (3).

A pesquisa do instituto MDA, encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), apontou que 40,6% das pessoas entrevistadas avaliam o desempenho do governo Lula como “ótimo” ou “bom”, em comparação com 43,1% na pesquisa anterior, em maio. O número dos que afirmam que o governo é “ruim” ou “péssimo” chegou a 27,2%, ante 24,6% na pesquisa anterior.

“A avaliação geral do novo governo permanece positiva, ainda atrelada, em parte, à vitória nas urnas no ano passado. Embora ainda positivas, o alerta fica para a redução das expectativas com emprego, renda, saúde e educação em relação a maio e, em especial, para a área de segurança pública, com predominante expectativa de piora”, disse Marcelo Souza, diretor do MDA.

Segundo o levantamento, 46,4% dos entrevistados dizem que o novo governo é melhor do que o de Bolsonaro, ao passo que 29,1% entendem que o governo Lula está pior que o do antecessor e 21,7% avaliam que está igual.

A aprovação do desempenho pessoal de Lula como presidente também caiu, de 57% para 54,9%, com a desaprovação subindo de 35% para 39%. O MDA entrevistou 2.002 pessoas em todo o Brasil entre 27 de setembro e 1º de outubro. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

*Bahia.ba
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil/ Arquivo

Comentários

Leia também

Política
Lídice da Mata é escolhida nova vice-líder do Governo na Câmara

Lídice da Mata é escolhida nova vice-líder do Governo na Câmara

Escolha da parlamentar baiana se deu pela boa relação que possui com o presidente Lula...
Política
Governo adia por três meses portaria sobre trabalho aos feriados

Governo adia por três meses portaria sobre trabalho aos feriados

Ministério do Trabalho e setores não chegaram a acordo