Feira de Santana

Após 8 anos, acusado de matar guarda Municipal é condenado a 26 anos de prisão

Vítima era ex-comandante da Guarda Municipal de Feira de Santana; crime aconteceu em maio de 2014

05/08/2022 09h00
Após 8 anos, acusado de matar guarda Municipal é condenado a 26 anos de prisão
Foto: Reprodução

Reginaldo Pereira, acusado de matar o ex-comandante da Guarda Municipal de Feira de Santana, foi condenado a 26 anos de reclusão em regime fechado. Ele foi julgado na última quinta-feira (4), no Fórum Desembargador Filinto Bastos, em Feira de Santana, mas não compareceu ao julgamento e é considerado foragido.

Conhecido como Régis, Reginaldo foi acusado de matar Marcos Vinícius Alves, 38 anos, em maio de 2014. O ex-comandante da Guarda Municipal estava em serviço no Parque Erivaldo Cerqueira, com dois amigos quando foi assassinado.

Segundo a Polícia Civil, dois homens chegaram no parque a bordo de uma motocicleta e pediram água aos guardas. Marcos teria virado de costas quando um deles atirou. A dupla fugiu com a arma do guarda.
 
A polícia apresentou os dois suspeitos em agosto de 2015. Na época, Regista já cumpria pena no Presídio Regional de Feira de Santana por sequestro de um comerciante, ocorrido dois meses depois da morte de Marcos Vinícius. De acordo com as investigações, ele foi o autor dos disparos. Não há informações se Reginaldo respondia ao processo em liberdade ou se estava foragido da Justiça antes do julgamento pela morte do guarda.
 
O outro suspeito foi identificado como Júlio Oliveira Ribeiro, conhecido como Juninho Cabeça, de 34 anos. Ele seria o homem que a motocicleta usada no assassinato. Júlio Oliveira também tinha passagens pela polícia por assalto a mão armada e na época teria negado a participação no crime. Ele foi assassinado em março de 2020, em Feira de Santana. 

*g1

Comentários

Leia também

Feira de Santana
II Feira de Saúde Interprofissional será realizada nesta quinta

II Feira de Saúde Interprofissional será realizada nesta quinta

Vacinação contra covid estará disponível no evento
Feira de Santana
Prefeitura pode pagar juros por atrasar pagamento do PASEP

Prefeitura pode pagar juros por atrasar pagamento do PASEP

O Governo Municipal tem dinheiro em caixa suficiente para o pagamento, mas não tem dotação...