Brasil

Americanas vai à Justiça para evitar corte de luz e internet

A alegação do grupo é que o corte dificultaria o processo de reestruturação dos negócios

31/01/2023 12h39
Americanas vai à Justiça para evitar corte de luz e internet
Foto: Reprodução

O Grupo Americanas ingressou na Justiça com um pedido de tutela de urgência para garantir o fornecimento de serviços públicos essenciais, como energia e internet, em sua rede de lojas e unidades empresariais.

O pedido foi apresentado à 4ª Vara Empresarial e cita avisos de interrupção de fornecimento enviados pela Enel (concessionária de energia de São Paulo) e pela Light (concessionária de energia do Rio de Janeiro). A luz, por exemplo, seria cortada já a partir do próximo mês. As dívidas com energia em São Paulo somam R$ 442 mil. Já no Rio de Janeiro, chega a R$ 919 mil.

A defesa do grupo pede ainda que as concessionárias sejam obrigadas a pagar uma multa diária de R$ 100 mil, caso o fornecimento seja interrompido. A alegação é que o corte prejudicaria a atividade da empresa, dificultando o processo de reestruturação dos negócios.

A varejista entrou em recuperação judicial no último dia 20 e tem, desde então, 60 dias para apresentar um plano de reestruturação e pagamento de dívidas. Ao todo, o grupo deve R$ 43 bilhões a cerca de 8 mil credores, entre bancos, fornecedores, funcionários e parceiros. Segundo a Americanas, essas contas já foram englobadas na recuperação judicial e estão sujeitas à renegociação.

*Metro 1

Comentários

Leia também

Brasil
Fila de espera do Bolsa Família atinge recorde de quase 700 mil famílias aguardando benefício

Fila de espera do Bolsa Família atinge recorde de quase 700 mil famílias aguardando benefício

Governo enfrenta dificuldades para atender demanda do Bolsa Família com orçamento limitado...
Brasil
Bolsa Família: pagamentos começam nesta quinta-feira (18)

Bolsa Família: pagamentos começam nesta quinta-feira (18)

O município baiano de Vitória da Conquista está com o sistema suspenso por instabilidade...
Brasil
Número de motoristas com problema de visão cresce quase 80% em 10 anos, aponta levantamento

Número de motoristas com problema de visão cresce quase 80% em 10 anos, aponta levantamento

Total passou de 14,4 milhões, em 2014, para 25,4 milhões, em 2024