Política

AL-BA: Dos 51 candidatos à reeleição, mais da metade é milionária

O deputado Nelson Leal (PP) foi o que declarou maior patrimônio entre os postulantes à reeleição

17/08/2022 12h43
AL-BA: Dos 51 candidatos à reeleição, mais da metade é milionária

Dos 63 atuais deputados estaduais, 51 tentarão a reeleição. Entre eles, 27 declararam ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) um patrimônio milionário, o que representa aproximadamente 53% dos parlamentares. Apenas um deles declarou não possuir bens.

O deputado Nelson Leal (PP) foi o que declarou maior patrimônio entre os postulantes à reeleição, com R$ 7,13 milhões em bens. O valor é quase 10 vezes maior do que o declarado pelo mesmo parlamentar em 2006, quando ele se candidatou pela primeira vez à Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). Na época, o valor acumulado por ele era de R$ 757 mil.

Em segundo lugar, aparece o deputado Robinho (PP), com R$ 6,601 milhões de patrimônio. Em 2004, quando se candidatou pela primeira vez à prefeitura de Nova Viçosa, ele declarou não possuir quaisquer bens.

Alex da Piatã (PSD) é o terceiro candidato à reeleição mais rico, com R$ 5,133 milhões de patrimônio. Completam a lista dos cinco mais privilegiados financeiramente os deputados Euclides Fernandes (PT), com R$ 4,586 milhões em bens e Alan Sanches (União), com R$ 4,317 milhões.

O sexto é o oposicionista Tiago Correia (PSDB), marido de Ana Coelho (Republicanos), candidata a vice-governadora na chapa de ACM Neto (União). Ele declarou R$ 3,932 milhões em patrimônio.

O presidente da Casa, Adolfo Menezes (PSD), é o sétimo mais rico, com R$ 3,795 milhões em patrimônio. Em 2006, quando se lançou pela primeira vez a deputado estadual, o atual comandante da AL-BA declarou apenas R$ 97 mil em bens.

O líder do governo na AL-BA, deputado Rosemberg Pinto (PT), também aparece com um patrimônio avantajado: R$ 3,621 milhões. Em 2010, quando foi candidato pela primeira oportunidade, ele já possuía R$ 1,105 milhão em bens.

Vitor Bonfim (PV), com R$ 3,199 milhões; Eduardo Salles (PP), com R$ 2,812 milhões; Zé Raimundo (PT), com R$ 2,438 milhões; Mirela Macedo (União), com R$ 2,284 milhão; e Ivana Bastos (PSD), com R$ 2,183 milhões também aparecem com grandes patrimônios no portal Divulgacand do TSE.

Antônio Henrique Jr. (PP), Bobô (PCdoB), Fábiola Mansur (PSB), Josafá Marinho (Patriota), Jusmari Oliveira (PSD), Laerte do Vando (PSC), Marcelino Galo (PT), Maria del Carmen (PT), Marquinho Viana (PV), Paulo Câmara (PSDB), Paulo Rangel (PT), Roberto Carlos (PV), Robinson Almeida (PT) e Samuel Jr. (Republicanos) completam a lista de milionários.

SEM BENS

Uma outra curiosidade fica por conta do deputado estadual Alan Castro (PV), que não declarou quaisquer bens. O parlamentar já chegou a declarar patrimônio de R$ 189 mil em 2008, quando se candidatou a vereador de Salvador. Há quatro anos, quando se elegeu para o mandato atual, ele declarou ter pouco mais de R$ 3 mil em espécie.

*Bahia Notícias

Comentários

Leia também

Política
Prisão de eleitor será restrita a partir desta terça

Prisão de eleitor será restrita a partir desta terça

Campanha no rádio e na televisão termina na quinta-feira (29); comício final pode ser...
Política
Senado: Otto consolida liderança com 50,7%; Cacá tem 18,4%, diz AtlasIntel

Senado: Otto consolida liderança com 50,7%; Cacá tem 18,4%, diz AtlasIntel

Raíssa Soares, do PL, aparece com 13,9% dos votos válidos; Tâmara Azevedo, do Psol,...
Política
AtlasIntel: Jerônimo avança para 46,5%, e ACM Neto marca 39,6%

AtlasIntel: Jerônimo avança para 46,5%, e ACM Neto marca 39,6%

João Roma, do PL, pontuou 9,9% na nova rodada da pesquisa de intenções de voto