Feira de Santana

Aeroporto de Feira de Santana perde voo para Recife e enfrenta desafios para manter operações

O deputado federal Zé Neto expressou surpresa e preocupação com a decisão.

29/05/2024 16h00
Aeroporto de Feira de Santana perde voo para Recife e enfrenta desafios para manter operações
Foto: Izinaldo Barreto

Após a suspensão do voo para Salvador, o Aeroporto João Durval Carneiro deixará de operar também o voo para Recife, administrado pela Azul Linhas Aéreas. A operação será oficialmente encerrada no dia 30 de junho e, até o momento, não há previsão de novos voos.

A Azul Linhas Aéreas justificou a decisão, afirmando que não há previsão de novos voos para Feira de Santana, mencionando que o corte faz parte de um processo normal de ajuste entre capacidade e demanda.

O deputado federal Zé Neto expressou surpresa e preocupação com a decisão.

“A gente tem um aeroporto que tem muita dificuldade do ponto de vista da logística econômica pras suas empresas. Por quê? Porque eles preferem investir em Salvador. Nós fizemos isso tudo aí pra tentar uma solução e essa solução que a gente encontrou ainda está a caminho, que é fazer um voo mais comercial para São Paulo, saindo de manhã e outro à noite. Isso levaria mais tranquilidade para negociar com outras empresas,” afirmou.

Ele destacou ainda que estão finalizando a construção de um muro que é uma exigência técnica da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) para viabilizar novos voos.

“Até lá, a gente teria os voos regulares, como para Pernambuco, feitos pela Azul. A Azul agora veio com essa novidade, mas não está aí de graça. Ela está aí por causa de uma negociação que viabilizou uma redução de ICMS na compra de combustível na Bahia.”

Zé Neto também revelou que está em tratativas com o secretário Manoel Vitório para encontrar uma solução e tentar mediar a continuidade do voo. “Acho que a gente tem que encontrar uma solução, ver se o estado consegue mediar pra que a gente não perca esse voo.”

O deputado criticou ainda a postura da prefeitura e de grupos políticos locais. “Fiquei muito mais estarrecido com a turma da prefeitura e do grupo político de lá, que fazem disso uma notícia maravilhosa porque adoram quando as coisas dão errado em Feira.”

Ele destacou os esforços já realizados para recuperar e melhorar o aeroporto. “Quando nós chegamos, estava inclusive fechado. Não tinha muro, não tinha cerca. Hoje, conseguimos cinco milhões para a extensão da pista. O que me entristece muito mais do que a atitude da Azul é a atitude do prefeito e do grupo dele, que ao invés de se juntar conosco, torcem para que não dê certo.”

*Com informações do repórter Danillo Freitas

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Construtores de Feira de Santana apresentam demandas da categoria a José Ronaldo

Construtores de Feira de Santana apresentam demandas da categoria a José Ronaldo

A categoria busca Soluções para dificuldades no parcelamento de solo e liberação de...
Feira de Santana
Cliente denuncia longa espera no atendimento do banco Santander em Feira

Cliente denuncia longa espera no atendimento do banco Santander em Feira

Um usuário da agência relatou sua experiência ao tentar ser atendido no local.
Feira de Santana
Câmara aprova em 2ª votação Projeto que cria o Conselho Tutelar V no município

Câmara aprova em 2ª votação Projeto que cria o Conselho Tutelar V no município

Com a aprovação, a proposta de autoria do Poder Executivo vai aguardar a sanção do...