Programa De Olho na Cidade

BAHIA AQUI ? TRABALHO
12/04/2019 - 07:32

Simpósio sobre autismo da Uefs reúne grande público no campus universitário

A atividade alcançou profissionais, os pais de pessoas com TEA e outros interessados no assunto.
De Olho nas Crianças
Simpósio sobre autismo da Uefs reúne grande público no campus universitário
Foto: Edvan Barbosa
No mês de conscientização sobre o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) promoveu a terceira edição do Simpósio sobre Autismo “O Sujeito para além do transtorno espectro Autista”, nos dias 9 e 10 de abril. A atividade coordenada pela Pró-reitoria de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis (Propaae) teve inscrição recorde e reuniu, no auditório central do campus, palestrantes especializados na área de saúde e educação.
 
Durante a sessão de abertura, a vice-reitora Norma Lúcia Fernandes de Almeida, enfatizou a importância do evento no cenário da luta pela educação inclusiva e de qualidade, ressaltou a magnitude do simpósio para que, sobretudo os educadores, consigam entender melhor o sujeito com autismo.
 
Uma das palestras mais concorridas "Autismo além do que se pensa", foi ministrada pela pedagoga, pós-graduanda em Neuropsicologia e presidente e fundadora do Projeto FAMA (Fantástico Mundo Autista), Patrícia Teodolina. “O evento ajuda na conscientização e desmistificação. Trazer essas informações para a universidade é importante porque é o espaço de onde parte grande etapa das transformações sociais. Isso que a Uefs está fazendo é de uma importância social significativa”, afirmou a pedagoga.
 
Rosângela Barros, mãe de uma criança com autismo, participa pela terceira vez do simpósio e acredita na relevância da atividade por alcançar profissionais, os pais de pessoas com TEA e outros interessados no assunto.
 
De acordo com Cíntia Souza Machado Ferreira, coordenadora geral da Propaae, as inscrições bateram recorde histórico chegando a mil inscritos. Além de Feira de Santana, participantes de outras cidades da região também se interessaram pelas atividades.

Comentários

Leia também