Programa De Olho na Cidade

11/10/2018 - 06:55

Flica começa nesta quinta em Cachoeira; veja a programação

Cultura
Flica começa nesta quinta em Cachoeira; veja a programação
Foto: Reprodução
Começa nesta quinta-feira, 11, e segue até domingo, 14, a 8ª edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), que reúne uma programação diversificada, com a participação de autores da literatura nacional e internacional.
 
Com curadoria do escritor, jornalista e fotógrafo baiano Tom Correia, as mesas literárias contarão com dez encontros entre autores para discutir diferentes temas, dentro do universo da literatura.
 
 Veja aqui a programação completa da Flica
Esta edição vai homenagear Conceição Evaristo, uma das escritoras mais reconhecidas do país, autora por obras como Ponciá Vicêncio, Becos da Memória, Insubmissas Lágrimas de Mulheres, Histórias de Leves Enganos e Parecenças e Olhos D'Água, esta última responsável pela conquista do Prêmio Jabuti.
 
Esta é a segunda vez que a homenageada participa da Flica, e vai marcar presença na mesa “Admiráveis Olhos D'água Que Nos Contemplam”, com mediação de Lívia Natália, que acontece no sábado, 13, às 20h.
 
Já a mesa de abertura, com o tema "Escritores em um mundo intolerante e deserto de compaixão", contará com a participação do escritor e poeta português Valter Hugo Mãe e do autor baiano Aleilton Fonseca, além de mediação de Zulu Araújo, diretor da Fundação Pedro Calmon. O debate acontece na quinta, às 15h.
 
No mesmo dia, a partir das 19h, o autor paulista Julián Fuks e a contista cachoeirana Aidil Araújo Lima integram a mesa “Pequenas revoluções em nossas trincheiras cotidianas”, com mediação do poeta e professor Wesley Correia.
 
Na sexta-feira, 12, a programação começa às 10h, com a mesa “A leveza das orquídeas mais pesadas que a ventania”. O tema será debatido pela escritora e crítica literária Noemi Jaffe e o poeta, músico e artista plástico mineiro Ricardo Aleixo, com mediação da poeta e professora Mônica Menezes.
 
Já às 15h, é a vez do romancista e crítico mineiro Silviano Santiago e o escritor baiano Marcus Vinícius Rodrigues integrarem a mesa “A feroz inquietude da escrita”, com mediação da professora Luciene Azevedo. À noite, a premiada escritora colombiana Margarita García Robayo, pela primeira vez no Brasil e inédita em português, e a poeta Ryane Leão, sucesso do Instagram (com mais de 250 mil seguidores), compõem a mesa “Sobre os corpos que brilham e tudo queimam”, mediada pela jornalista Vânia Dias.
 
No sábado, 13, às 10h, a jornalista e escritora gaúcha Eliane Brum e a escritora baiana Catarina Guedes participam da mesa “Um olhar feminino sobre a arte de sujar sapatos”, com mediação da jornalista e professora Malu Fontes. Pela tarde, a partir das 14h, o poeta paulista Zack Magiezi, com mais de 900 mil seguidores no Instagram, e o escritor baiano Edgard Abbehusen farão parte da mesa “Os filtros que usamos na literatura do nosso tempo”, com mediação da jornalista Jéssica Smetak.
 
A partir das 17h, a professora de sociologia norte-americana Patricia Hill Collins e a filósofa paulista Djamila Ribeiro integram a mesa “Onde vivem as personagens que nos representam”, com mediação da professora Florentina Souza.
 
No domingo, 14, último dia da Flica, acontece o evento Diálogos Insubmissos de Mulheres Negras, com temas sobre as mulheres negras, suas dores, desejos, medos, e lutas por sobrevivência. A edição especial em Cachoeira acontece às 10h, com a professora Florentina Souza e a filósofa Manuela Barbosa, e mediação da coordenadora dos Diálogos, Dayse Sacramento, além da participação especial do Coletivo Zeferinas.
 
Fliquinha
 
Com uma programação especial voltada para as crianças, a Fliquinha reúne contações de histórias, bate-papos e apresentações teatrais e musicais direcionados para o mundo infantil. Com curadoria de Lilia Gramacho e da jornalista Mira Silva, a programação conta com 22 atrações, e se destaca como verdadeiro convite às crianças para revisitarem expressões narrativas como objetos de prazer, de ludicidade e de descoberta.
 
Intervenções Artísticas
 
Performances artísticas também serão realizadas durante todos os dias do evento nas imediações da Praça da Aclamação e shows escadaria do prédio histórico da Casa de Câmara e Cadeia. Realizada entre o final da tarde e início da noite, a programação contemplará shows musicais, performances poéticas, espetáculos de dança e teatro.
 
A programação completa está disponível no site oficial da Flica.

Comentários

Leia também