Programa De Olho na Cidade

17/05/2018 - 08:26

Vitória leva três do Sampaio Corrêa e se complica na Copa do Nordeste

Esporte
 Vitória leva três do Sampaio Corrêa e se complica na Copa do Nordeste
Foto: Reprodução
Para desespero da torcida, o Vitória deu mais um vexame. Se o time titular já sofria e não passava confiança, Mancini apostou nos reservas contra o Sampaio Corrêa e o resultado foi ainda pior. Fora de casa, o Rubro-negro levou 3 a 0 do time maranhense com direito a dois frangos do goleiro Caíque.
 
Com o resultado, o Leão se complicou na Copa do Nordeste. Para avançar à semifinal no tempo regulamentar, o time baiano terá que golear a Bolívia por quatro ou mais gols de diferença no jogo de volta.
 
Um triunfo por 3 a 0 dos comandados de Vagner Mancini leva a decisão para os pênaltis. O confronto decisivo será realizado no dia 24 de maio.

Vitória e Sampaio Corrêa fizeram um primeiro tempo de baixa qualidade técnica e lances remotos de emoção.
 
Aos 14 minutos, os donos da casa chegaram com perigo. Após bola cruzada na área, João Paulo desviou de carrinho e assustou Caíque.
 
Três minutos depois, o Rubro-negro respondeu. Após cobrança de escanteio Ramon desviou e a zaga afastou na pequena área.
 
Aos 22, a Bolívia mais uma vez chegou perto de marcar. Bruno Moura cruzou bola da linha de fundo, Fernando Sobral desviou de cabeça e tirou tinta da trave.
 
Já aos 32 minutos, o time maranhense chegou ao gol com uma grande colaboração de Caíque. João Paulo levantou bola na área e o goleiro cometeu uma falha grotesca ao tentar encaixar. Bruninho, que nada tinha haver, aproveitou o erro e só empurrou a bola para as redes.
 
Com o péssimo futebol da primeira etapa, o time baiano voltou para o segundo tempo com uma alteração. O alemão Alex, que pouco tocou na bola deu lugar a Nickson.
O garoto entrou e logo mostrou serviço. Após receber bola na entrada da área, Nickson chutou colocado e acertou a trave.
 
Mas, a noite não era mesmo de Caíque. Na resposta do Sampaio, a bola foi levantada na área, o goleiro saiu mal do gol deixou de graça para Maracás fazer o segundo.
Aos 24 minutos, o Leão tentou diminuir em cobrança de falta. Zé Welison foi para a cobrança e acertou a trave.
 
Já aos 30 minutos, Após levantamento na área, Alyson desviou no primeiro pau e marcou o terceiro gol dos donos da casa. Na comemoração, o jogador foi abraçar torcedores na arquibancada, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.
 
Aos 37, o Leão ainda teve chance de diminuir. Nickson fez boa jogada pela esquerda e deixou Yago livre na área. Mas, o meia isolou e mandou longe do gol.
 
Para desespero da torcida, o Vitória deu mais um vexame. Se o time titular já sofria e não passava confiança, Mancini apostou nos reservas contra o Sampaio Corrêa e o resultado foi ainda pior. Fora de casa, o Rubro-negro levou 3 a 0 do time maranhense com direito a dois frangos do goleiro Caíque.
 
Com o resultado, o Leão se complicou na Copa do Nordeste. Para avançar à semifinal no tempo regulamentar, o time baiano terá que golear a Bolívia por quatro ou mais gols de diferença no jogo de volta.
 
Um triunfo por 3 a 0 dos comandados de Vagner Mancini leva a decisão para os pênaltis. O confronto decisivo será realizado no dia 24 de maio.

Vitória e Sampaio Corrêa fizeram um primeiro tempo de baixa qualidade técnica e lances remotos de emoção.
 
Aos 14 minutos, os donos da casa chegaram com perigo. Após bola cruzada na área, João Paulo desviou de carrinho e assustou Caíque.
 
Três minutos depois, o Rubro-negro respondeu. Após cobrança de escanteio Ramon desviou e a zaga afastou na pequena área.
 
Aos 22, a Bolívia mais uma vez chegou perto de marcar. Bruno Moura cruzou bola da linha de fundo, Fernando Sobral desviou de cabeça e tirou tinta da trave.
 
Já aos 32 minutos, o time maranhense chegou ao gol com uma grande colaboração de Caíque. João Paulo levantou bola na área e o goleiro cometeu uma falha grotesca ao tentar encaixar. Bruninho, que nada tinha haver, aproveitou o erro e só empurrou a bola para as redes.
 
Com o péssimo futebol da primeira etapa, o time baiano voltou para o segundo tempo com uma alteração. O alemão Alex, que pouco tocou na bola deu lugar a Nickson.
O garoto entrou e logo mostrou serviço. Após receber bola na entrada da área, Nickson chutou colocado e acertou a trave.
 
Mas, a noite não era mesmo de Caíque. Na resposta do Sampaio, a bola foi levantada na área, o goleiro saiu mal do gol deixou de graça para Maracás fazer o segundo.
Aos 24 minutos, o Leão tentou diminuir em cobrança de falta. Zé Welison foi para a cobrança e acertou a trave.
 
Já aos 30 minutos, Após levantamento na área, Alyson desviou no primeiro pau e marcou o terceiro gol dos donos da casa. Na comemoração, o jogador foi abraçar torcedores na arquibancada, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.
Aos 37, o Leão ainda teve chance de diminuir. Nickson fez boa jogada pela esquerda e deixou Yago livre na área. Mas, o meia isolou e mandou longe do gol.
 

Comentários

Leia também