Programa De Olho na Cidade

15/04/2018 - 18:10

Bahia estreia na Série A com derrota por 2x0 para o Internacional

Esporte
Bahia estreia na Série A com derrota por 2x0 para o Internacional
O descanso dado para os titulares, que com exceção do goleiro Douglas foram poupados do jogo contra o Blooming, pela Sul-Americana, foi em vão. Diante da postura apresentada neste domingo (15), no Beira-Rio, os jogadores do Bahia pareciam extasiados e, de forma passiva, assistiram ao Internacional vencer com facilidade por 2x0, com dois gols do uruguaio Nico López, na estreia dos times no Campeonato Brasileiro. 
 
Os primeiros minutos do jogo foram sofríveis. O Internacional tinha mais posse de bola e até certo controle da partida, mas não conseguia incomodar o sistema defensivo tricolor. O Bahia, por sua vez, era lento na transição ofensiva e só ultrapassava a linha de meio-campo quando Zé Rafael tentava uma jogada individual ou Edigar Junio protegia a bola até a aproximação dos companheiros.
 
Na falta de criatividade, a alternativa encontrada por Léo Pelé foi arremesar a bola na área em cobrança de lateral e por pouco o tricolor não abriu o placar. Após Tiago disputar a bola pelo alto, Marcelo Lomba e Iago se bateram, mas o lateral colorado afastou em seguida. 
 
O técnico Odair Helmann foi obrigado a fazer uma substituição aos 10 minutos, já que Rossi acabou se lesionando. O escolhido para entrar no jogo foi Nico López. E foi justamente o atacante uruguaio que fez a rede balançar em Porto Alegre. 
 
Aos 37 minutos, D’Alessandro tocou para Patrick, com liberdade, cruzar na cabeça de Nico López, que se antecipou ao goleiro Douglas e mandou para o fundo do gol. Nenhum jogador do Bahia acompanhou o atacante adversário no lance.
 
Insatisfeito com a produção ofensiva da equipe na etapa inicial, Guto Ferreira voltou para o segundo tempo com Júnior Brumado no lugar de Marco Antônio, deslocando assim Edigar Junio para atuar pelo lado esquerdo.
 
A mudança fez o tricolor passar a jogar mais no campo defensivo do Inter, mas os donos da casa continuavam criando as melhores oportunidades. Em contra-ataque, Nico López serviu D’Alessandro, que pegou de primeira e mandou por cima do gol. No lance seguinte, o atacante recebeu passe de Fabiano e também chutou para fora. 
 
A insistência surtiu efeito aos 15 minutos, quando novamente Nico López tabelou com Edenilson e recebeu livre, dentro da área, para deslocar Douglas e fazer o segundo dele na partida, ampliando a vantagem.
 
Desorientado após mais um gol sofrido, o Bahia continuou passivo em campo e viu o Internacional jogar com tranquilidade. Por pouco não saiu o terceiro gol colorado quando D’Alessandro avançou pela esquerda e rolou para a chegada de Patrick. Mas o volante pegou mal na bola e mandou por cima.
 
A partir daí, o Internacional só administrou o resultado para garantir o triunfo na estreia da Série A. O Bahia volta a campo no próximo sábado (21), às 16h, na Fonte Nova, onde recebe o Santos, pela segunda rodada. O Inter visitará o Palmeiras no dia seguinte, em São Paulo. 
 
Ass informações são do Correio.

Comentários

Leia também